Aproveite São Paulo na primavera sem gastar muito! Que tal um piquenique?

Um piquenique é o programa perfeito para sair da mesmice, sem precisar se preocupar com a conta. Leve comidinhas práticas e aproveite as áreas verdes de São Paulo em família.

Essa é a época do ano perfeita para aproveitar os dias ao ar livre. O frio do inverno já passou, os dias irritantemente quentes de verão ainda não chegaram e as árvores estão cheias, verdinhas, tudo florido, como em uma pintura.

Por que não fazer um programa diferente e usar essa estação como inspiração? Dias de primavera pedem por um passeio no parque. Mesmo São Paulo sendo conhecida por sua “selva de concreto”, existem áreas verdes bem cuidadas e charmosas em nossa cidade. Sugerimos o famoso Parque Ibirapuera, pois ele nunca sai de moda. Tem museu, restaurante, um público eclético, lagos e por aí vai. Mas se você quer fugir do trivial, a nossa outra sugestão é a incrível “Praça do Pôr do Sol”, cujo nome real é praça Coronel Custódio Fernandes Pinheiro. Localizada entre Alto de Pinheiros e Vila Madalena, esse é o lugar perfeito para curtir uma tarde despretensiosa. O pôr do sol de lá, como o nome sugere, é de tirar o fôlego, o público é tranquilo e vira e mexe pode-se encontrar até rodas de música acústica.

Pôr do Sol na praça

Unindo o útil ao agradável, por que não fazer um piquenique ao esperar o anoitecer na praça? Essa hora do dia é linda, mas dá AQUELA fome! Não adianta complicar muito o programa, para ir a pé, ou de bike, o ideal são comidinhas práticas e que dispensem talheres. Basta uma embalagem de nuts artesanais com alecrim para o aperitivo, uma boa baguete italiana e algum pesto para usar como “dip” ao pão. O pesto de alcachofras com limão siciliano fica divino, já o pesto de tomate seco agrada qualquer um!

Pesto de Alcachofra com limão Siciliano

Não se esqueça de levar um pano ou toalha para se sentar. Uma toalha xadrez é vintage e muito charmosa. Para quem quiser transformar esse programa em um “happy hour”, é só levar um bom vinho rosé da Provence. Deixe-o gelando antes de sair de casa.

Agora você vai entender porque os europeus são tão adeptos desse tipo de programa. Voilà!


Comente